AMIGOS

sábado, 16 de agosto de 2008

' ACREDITE SE QUIZER '

A primeira que vez que fui ao Pião nas Cortes depois do acidente, isto em 2004, era as festas da senhora da Gaiola, e almocei no meu amigo Abel.
Depois de um almoço e e de confraternização com amigos que não via à muito, eis que chega a hora para me vir embora. O meu amigo Virgílio ficou em me ir buscar, na hora combinada, eis que saiu a procissão da igreja, trânsito fechado e muita confusão, mas tinha que ir ter com ele, o único método que tinha de o fazer, era ir a pé, neste caso de cadeira de rodas.
Mãos à obra, neste caso nas rodas da cadeira, venho pela rua de acesso à igreja e começo a descida, como era ainda os meus primeiros passos neste imbróglio, como a descida é bastante acentuada, digam lá os que batem no contentor do lixo e no espelho ao fundo da rua, começo a embalar de uma maneira que só de travão ABS é que segurava os meus 75 kg mais a desditosa cadeira. Não me perguntem como consegui a travar sem bater cá no fundo, mas que nunca mais o faço, podem ter a certeza.
Toda esta lenga-lenga só para dizer quão apropriada era esta placa logo na saída do Pião das Cortes.
.

1 comentário:

Obrigado pela vossa visita, vossos comentários são sempre bons para melhorar este espaço.
Voltem sempre.

Related Posts with Thumbnails